Archive for Turismo

Municipio de Poconé – Mato Grosso


Poconé

Poconé – Porta de entrada do Pantanal

Poconé município matogrossense, fica a 94 km de Cuiabá, tem aproximadamente 32 mil habitantes.

Em 1781 alcançou a categoria de arraial, sendo chamado de “São Pedro Del Rey”, um decreto regencial, de 1831, criou o município de Poconé.

Seu clima predominante é o tropical quente e sub-úmido, com grande incidência de chuvas nos meses de dezembro a fevereiro; com temperatura podendo variar de 0 C a 45 C.

Localizada entre os rios Paraguai e Cuiabá, é o principal acesso ao Pantanal Norte. A Rodovia Transpantaneira, com 149 km, termina em Porto Jofre onde concentra hotéis e pousadas.

As principais atividades econômicas da cidade são a pecuária intensiva, o turismo ecológico e o extrativismo mineral. Outros pontos turísticos da cidade são o Porto Cercado, a Estância Ecológica Sesc-Pantanal, e o Porto Jofre.

Município tipicamente pantaneiro, bucólico e aconchegante. Suas casas ainda conservam a beleza arquitetônica do século 19. O município também é muito conhecido pelas suas tradicionais festas e comidas típicas. Poconé é o ponto de partida para quem quer visitar o Pantanal matogrossense por via terrestre.

Município de JACIARA – MATO GROSSO


Jaciara

O município de JACIARA é um dos mais aprazíveis do sudeste mato-grossense. Dotado de um clima tropical quente e sub-úmido, com 4 meses de seca, de maio a agosto, sua precipitação anual é de 2.200 mm, com maior intensidade no período compreendido entre os meses de dezembro a fevereiro.

Estas características permitem que o município proporcione aos seus visitantes banhos de cachoeira, vôos panorâmicos por sobre seus vales durante o dia e um lindo pôr-do-sol no cair da tarde.

No período de maior precipitação, o clima fica mais ameno, com registro de temperaturas entre 22ºC e 25ºC, atraindo turistas para as cachoeiras e diversos clubes de águas thermais e águas quentes localizados a 10 km do centro da cidade, no município vizinho de Juscimeira.
DADOS DE JACIARA

Fundação: 1958
Altitude: 367 m
População: 28.000 habitantes (estimativa)
Área Total: 1.664,5 km²
Dens. Demográfica: 13,83 hab/km²
CEP: 78820-000
DDD: 66
Distância da capital: 127 km

O município é abençoado por Deus, pois em suas terras a mãe Natureza fez obras maravilhosas. As riquezas naturais se constituem no maior patrimônio do município. Cachoeiras, grutas, quedas d´água, fauna, flora, enfim, uma abundância de belezas que encanta a todos. Cidade propicia para esportes radicais

Chapada dos Guimaraes – é bem Mato Grossoso


Chapada dos Guimaraes

Cidade: Chapada dos Guimarães – Estado: Mato Grosso
Distância da Capital (Cuiabá): 70 Km

Cidades próximas a Chapada dos Guimarães ou perto da Chapada dos Guimarães com hotéis:
– até aprox.50 Km:
– até aprox.100 Km: Cuiabá

Aventura, esoterismo, história e cultura, um roteiro completo a 70 km de Cuiabá. Considerada como o centro geodésico (eqüidistante dos oceanos Atlântico e Pacífico) da América do Sul, a Chapada dos Guimarães atrai cada vez mais turistas devido às suas diversas atrações e seu lado místico. Além disso possui um lado histórico bastante interessante com diversos sítios arqueológicos espalhados pela região.

História e Cultura
Os primeiros habitantes da Chapada foram os índios Caiapós, Guaicurus, Bororós e Paiaguás. No século XVI os bandeirantes chegaram à região em busca de riquezas naturais. A vila começou a se formar com a chegada dos jesuítas em 1751. Nessa época foi construída a Igreja Nossa Senhora de Santana. A cidade também cultivou a cana-de-açúcar e desenvolveu a pecuária. Com a Guerra do Paraguai, porém, a região entra em declínio e só vem a se recuperar no século XX com a mecanização da cultura e a expansão da pecuária. Atualmente a cidade tem uma população de doze mil habitantes.

LOCALIZAÇÃO e ACESSO

Como chegar

Para quem tem como ponto de partida São Paulo segue-se pela Castelo Branco (SP-280) e depois a SP-225. Vai-se então até Bataguassu pela SP-270, passando por Presidente Prudente. De lá pega-se a BR-267 até Nova Alvorada. Agora pela BR-163 segue-se até Cuiabá. Mais 70 km pela Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-305) e finalmente chega-se a Chapada dos Guimarães. Para quem vem do Rio de Janeiro deve-se seguir até São Paulo pela BR-116. A partir desse ponto o trajeto é o mesmo de quem vem de São Paulo.

Distâncias das capitais:
– São Paulo (SP): 1774 km
– Rio de Janeiro (RJ): 2203 km
– Belo Horizonte (MG): 1926 km
– Brasília (DF): 1202 km
– Salvador (BA): 2659 km

Aeroporto mais próximo: Cuiabá

Cuiabá – nossa terra nossa gente


mato grosso

Mato Grosso/Cuiabá – as belezas da nossa cidade

Cuiabá é a capital do estado do Mato Grosso, esta situado às margens do rio de mesmo nome, na sua margem esquerda
Segundo a estimativa realizada em 2008 pelo IBGE, a população de Cuiabá é de 544.737 habitantes.
Fundada em 1719, ficou praticamente estagnada desde o fim das jazidas de ouro até o século XX. Desde então, apresentou um crescimento populacional acima da média nacional, atingindo seu auge nas décadas de 1970 e 1980.
Cuiabá faz limite com os municípios de Chapada dos Guimarães, Campo Verde, Santo Antônio do Leverger, Várzea Grande, Jangada e Acorizal. É um entroncamento rodoviário-aéreo-fluvial e o centro geodésico da América do Sul, nas coordenadas 15°35’56”,80 de latitude sul e 56°06’05”,55 de longitude oeste.[9] Situado na atual praça Pascoal Moreira Cabral, foi determinado por Marechal Cândido Rondon, em 1909 (o correto ponto do centro geodésico já foi contestado, mas cálculos feitos pelo Exército Brasileiro confirmaram as coordenadas do marco calculadas por Rondon).
O município é cercado por três grandes ecossistemas: a amazônia, o cerrado e o pantanal; está próximo da Chapada dos Guimarães e ainda é considerado a porta de entrada da floresta amazônica. A vegetação predominante no município é o cerrado, desde suas variantes mais arbustivas até as matas mais densas à beira dos cursos d’água.